Cuiabá, Segunda-Feira, 10 de Dezembro de 2018
EXPEDIENTE INTEGRAL
13.01.2018 | 16h49 Tamanho do texto A- A+

Educação de MT muda horário de trabalho de servidores

Mudança foi feita pelo "grande volume de trabalho", segundo portaria

LEONARDO HEITOR
DO FOLHAMAX

O secretário de Educação (Seduc), Marco Marrafon, alterou o horário de expediente dos servidores da pasta, para 2018. Com isso, o expediente na pasta passará a de ser de 40 horas semanais, no lugar das atuais 30 horas.

 

A medida é válida para os funcionários lotados nos setores da Seduc e secretarias adjuntas. Com a medida, o horário de trabalho também será alterado.

 

Atualmente, o servidor entra as 13h00 e sai as 19h00. Com a mudança, passará a iniciar o expediente as 8h00 e vai até as 18h, com intervalo para almoço de 12h00 as 14h00.

 

A mudança passa a valer a partir da próxima segunda feira.

 

Com isso, a Seduc passará a seguir o que já foi adotado pela Secretaria de Cidades (Secid).

 

Desde a chegada de Wilson Santos, a pasta adotou o regime de 40 horas. Ela é válida para os servidores comissionados e para os efetivos que tenham algum cargo de direção, gerência e assessoramento (DGA).

 

Na Seduc, é válida para todos os servidores. O Governo do Estado alterou, em setembro de 2016, o horário de expediente dos servidores estaduais.

 

Antigamente, eles atuavam 40 horas semanais, mas com a mudança decretada pelo governador Pedro Taques, passaram a ter uma jornada de trabalho de 30 horas. A justificativa do executivo estadual foi a de contenção de despesas.

 

De acordo com a portaria assinada por Marrafon, a alteração é necessária, “em virtude do grande volume de trabalho, obras, atos e procedimentos administrativos na execução do Programa Pró-Escolas e com o fito de dar maior qualidade, celeridade e eficiência no atendimento às demais demandas desta Secretaria, unidades escolares estaduais e ao público em geral”.




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia