ENQUETES

Você já decidiu em quais candidatos irá votar nestas eleições?

PUBLICIDADE

Cotidiano / CARTA A EMANUEL
13.03.2018 | 18h25
Tamanho do texto A- A+

Secretária e mais 13 citam desentendimento e se demitem da Saúde

Documento ainda critica a falta de recursos e a capacidade técnica de servidores comissionados

Alair Ribeiro/MídiaNews

Clique para ampliar

Após 14 meses à frente da Secretaria de Saúde, Elizeth Araújo deixa pasta

CÍNTIA BORGES
DA REDAÇÃO

A secretária de Saúde de Cuiabá, Elizeth Araújo, e mais 13 assessores colocaram seus cargos à disposição em uma carta enviada ao prefeito Emanuel Pinheiro (MDB).

 

No documento, eles lamentam a crise na Pasta e citam desentendimento interno entre gestores. “Em prol da saúde pública de Cuiabá e em respeito à escolha de nossos nomes à frente da sua administração, colocamos nossos cargos a Vossa Disposição", escreveram.

 

A carta, datada do dia 9 de março, veio a público na tarde desta terça-feira (13), quando foi divulgada a saída de Elizeth. Em seu lugar, deve ser nomeado o médico Huark Douglas Corrêa, atual diretor do Hospital São Benedito.

 

No documento de três páginas, os signatários citam um desentendimento com o secretário adjunto de Assistência à Saúde, Milton Correa da Costa. 

 

"Porém, diante de todo o contexto em que temos vivenciado no decorrer destes 14 meses e mediante o pedido feito por vossa senhoria para dentro do prazo de 30 dias buscar entendimento harmonioso com o secretário adjunto de Assistência à Saúde, senhor Milton Correa da Costa, nos manifestamos que após diversas tratativas ao longo deste período em busca do comprometimento, parceria e envolvimento com o programa de governo de Emanuel Pinheiro, por parte do mesmo, entendemos que não será possível sustentar esta situação, embora estejamos preocupados com todo o reflexo que está situação está causando à gestão como um todo, e principalmente à imagem do chefe do executivo municipal", diz trecho.

 

A carta ainda diz que a crise vivenciada na Saúde é "a mais acentuada nos últimos 10 anos".

 

"Ademais, convém esclarecer que o orçamento contingenciado tem nos impedindo de operacionalizar as ações administrativas de forma célere como exige uma Secretaria de Saúde, em que cada segundo é decisivo para salvar vidas".

 

Em dois trechos do documento, os signatários citam a necessidade de a Pasta ter servidores comissionados (aqueles nomeados pelo prefeito) "mais qualificados para atuar na área de Saúde", além de reforçar a necessidade de haver profissionais "comprometidos de fato com a saúde da população cuiabana". 

 

A secretária deixa o posto em meio à crise da falta de medicamentos e insumos básicos, além de denúncias de falhas estruturais no Pronto-Socorro. De acordo com a própria secretária, ao menos 249 tipos de medicamentos estão em falta na rede pública. 

 

Para sanar o problema, a Secretaria chegou a elaborar contrato emergencial – ainda em andamento - no valor de R$ 30 milhões e anunciar um pregão de R$ 130 milhões.

 

"Compreender e, principalmente, gerir uma sistema de saúde que apresenta aproximadamente 456.363 atendimentos mensais são tarefas desafiadoras que exigem comprometimento e determinação, pois a Secretaria Municipal de Saúde é um instituto extremamente vulnerável dadas as peculiaridades", escreveram.

 

Substituições

 

A Prefeitura emitiu nota afirmando que o médico Huark Douglas Correia  assumirá interinamente a secretaria. Junto a ele, o contador Flávio Taques, atual diretor de Licitação e Contratos da Prefeitura, será o secretário-adjunto de Gestão de Saúde.

 

Conforme nota, a principal medida nos próximos dias é montar a nova equipe e se dedicar as medidas de emergências, como a logística na compra e distribuição de medicamentos para a rede pública de saúde. 

 

Assinam a carta:

 

Elizeth de Araújo – secretária de Saúde

 

Adriana Aleixo – secretária adjunta de Gestão/SMS

 

Dúbia Beatriz de Campos – secretária adjunta de Planejamento e Operações/SMS

 

Arlete Maria da Sá Lima – assessora de Planejamento

 

Fernanda de Laurentis – assessora técnica-chefe de gabinete

 

Benedito Oscar Fernandes de Campos – diretor de Vigilância em Saúde

 

Cláudia Rodrigues Assunção – diretora administrativa financeira

 

Flávio Eduardo Barbosa Souza – diretor técnico de Atenção Secundária

 

Larissa Raquel Kchimel – diretora de Atenção Básica

 

Mayalu Romero Obice – diretora técnica do Pronto-Socorro

 

Zamara Brandão Ribeiro – diretora técnica de Gestão

 

Marinêze de Araújo Meira – coordenadora especial de Assistência de Controle e Avaliações

 

Mônica Jabur de Souza – coordenadora especial Rede Assistencial Administrativa

 

Elizete Ferreira de Souza – coordenadora especial rede Assistencial  Administrativa do Pronto-Socorro

 

Veja a carta:

 

 




Clique aqui e faça seu comentário


10 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

José Carlos de Araújo   22.03.18 19h23
👆A MATERIA TRAZ A VERDADE SOBRE DISPONIBILIDADE DO CARGO DE SECRETARIA DE SAUDE DE CUIABA Elizeth é Guerreira, servidora comprometida, lamentavel o descompromisso de alguns servidores que só criam embaraços na gestão pública e tbm do Governador Pedro Taques com atrasos e repasses a Saúde da Capital acumulado ano a ano... Interesses de Grupo e oligarquias Politica é um entrave aos interesses do povo pelo povo e para o povo!!!!
3
1
Luiza  15.03.18 09h02
Tem sempre alguem para travar o sistema e o sucesso do nosso trabalho, parece que a bola da vez foi esse senhor Milton
1
0
Hugo  15.03.18 02h16
Dr Milton é um excelente médico e gestor Só tenho a agradecer tudo que ele fez Tem meu respeito e de todos que o acompanharam TMJ Dr Milton
1
3
Márcio  15.03.18 00h43
Como assim, falta comprometimento por parte do secretário adjunto e a secretaria entrega o cargo? Está tudo errado, se ele é adjunto, deveria ser subordinado à ela, portanto, quem deveria sair é ele. Não? E por aí vai...
5
1
roberto luiz  14.03.18 14h54
Meus parabéns...
21
4
1999-2018 MidiaNews - Credibilidade em Tempo Real - Tel.: (65) 3027-5770 - Todos os direitos reservados

Ver em: Celular - Web