Cuiabá, Sexta-Feira, 15 de Fevereiro de 2019
APRIMORAMENTO
08.02.2019 | 17h26 Tamanho do texto A- A+

Selma pede auxílio à Polícia Civil para aprimorar Pacote Anticrime

Senadora ainda se comprometeu a destinar emenda parlamentar à PJC

Alair Ribeiro/MídiaNews

A senadora Selma Arruda, que realizou visita a delegados da PJC

DA REDAÇÃO

A senadora Selma Arruda (PSL) convidou representantes da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso (PJC) para analisar e sugerir alterações no Pacote Anticrime, apresentado  pelo ministro da Justiça Sérgio Moro, nessa semana.

 

A intenção da senadora, que se reuniu na manhã dessa sexta-feira (08) com toda a diretoria, é absorver  o conhecimento técnico de profissionais da segurança pública, que vivenciam diariamente as dificuldades diante da legislação vigente.

 

Selma Arruda aponta que, no geral, o pacote de medidas é positivo, mas pode ser melhorado, e os delegados de polícia, por exemplo, são legítimos conhecedores do Código Penal e toda a legislação criminal.

 

“Nós aqui temos uma visão toda própria disso tudo, visão de fronteira, de estado com grandes distâncias a percorrer, enfim, de coisas que só quem está aqui que acontece. Por isso peço que vocês analisem esse pacote, observem se há pontos a serem acrescentados ou suprimidos, para que, a partir daí, possamos pensar numa legislação criminal que possa realmente dar as respostas  que precisamos”, enfatizou.

 

A senadora adiantou também que pretende destinar, neste ano, parte de sua emenda parlamentar para a PJC, que tem sofrido escassez de recursos e de estrutura para prestar seus serviços.

 

O Estado de Mato Grosso decretou calamidade financeira no início do ano, e descartou por tempo ainda não determinado, qualquer investimento no aparato de Segurança Pública de Mato Grosso.

 

“A senadora sabe muito bem como a Polícia Civil se desenvolve, da nossa importância no combate ao crime, já que no tempo em que ele foi juíza, ela viu as carências que a Polícia Civil tem passado e, agora como senadora, ela tem a oportunidade de nos auxiliar, tanto na parte da legislação, como também na parte das emendas”, observou o delegado-geral da PJC, Mário Dermeval Resende.

 

De acordo com ele, os delegados  têm muito a contribuir com o pacote de medidas propostas por Sérgio Moro.

 

“Vamos participar, sim, da análise. Nossa especialidade é fronteira e o combate ao crime organizado. Temos um corpo de delegados que irá analisar essas propostas do ministro da Justiça e então, sugeriremos e orientaremos a  senadora com base nesse estudo, para que ela faça propostas que possam fazer com que as investigações, de acordo com nossa peculiaridade, sejam melhoradas”, disse Resende.

 

Essa foi a primeira visita institucional feita pela senadora Selma Arruda, em Mato Grosso.

 




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia