Cuiabá, Domingo, 26 de Maio de 2019
ROUBO A RESIDÊNCIA
15.03.2019 | 10h30 Tamanho do texto A- A+

Acusados de tentativa de latrocínio são presos quase 2 anos após o crime

Assalto ocorreu em outubro de 2017; na ocasião, vítima foi agredida com uma arma branca

Alair Ribeiro/MidiaNews

Acusados foram presos por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Cuiabá

DA REDAÇÃO

Dois homens procurados pelos crimes de latrocínio tentado e corrupção de menores tiveram prisões preventivas cumpridas pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá (Derf), da Polícia Civil, nessa quinta-feira (14).

 

Acusado de atuar em ações criminosas, P.S.R. teve o mandado cumprido dentro do Centro de Ressocialização de Várzea Grande (Capão Grande), onde estava preso por outro crime, e O.C.A., foi localizado no Bairro Jardim das Esmeraldas, em Várzea grande.

 

Os suspeitos foram indiciados no inquérito policial da Derf Cuiabá por latrocínio tentado, associação criminosa e corrupção de menores.

 

Eles foram identificados como autores do roubo a uma residência no Bairro Jardim Independência, no mês de outubro de 2017, quando a vítima L.G.S., 24 anos, foi rendida por três indivíduos armados. 

 

No assalto, a vítima foi agredida com uma arma branca na região da axila. Após o roubo os criminosos fugiram levando um veículo Peugeot de cor branca e diversos produtos eletrônicos.

 

Na época dos fatos, todos os envolvidos foram identificados, sendo quatro homens e um adolescente. Dos quatro maiores de idade, dois foram presos no dia 14 de dezembro de 2017, sendo eles: C.A.S. e L.G.O.M.  




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
0 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia