Cuiabá, Domingo, 19 de Maio de 2019
ALENCASTRO
15.05.2019 | 10h01 Tamanho do texto A- A+

“Qualquer pretensão política depende das entregas na Saúde”

Gilberto Figueiredo devem se filiar ao DEM e pode disputar Prefeitura de Cuiabá com apoio de Mendes

Alair Ribeiro/MidiaNews

O secretário de Estado de Saúde Gilberto Figueiredo

DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

Citado por aliados do governador Mauro Mendes (DEM) como possível candidato à Prefeitura de Cuiabá nas eleições de 2020, o secretário de Estado de Saúde Gilberto Figueiredo (PSB) afirmou que qualquer pretensão política dependerá das entregas de sua Pasta.

 

Em conversa com o MidiaNews nesta semana, ele disse que o foco, no momento, é a atuação na Saúde.

 

“Eu não sonhei ser secretário de Saúde, hoje sou. Não sonhei ser vereador e fui eleito. Faço aquilo que Deus está prevendo para minha vida. Não sei o que estarei fazendo ano que vem. Acho cedo para fazer qualquer prognóstico. Estou muito focado neste momento na área da Saúde. Qualquer pretensão futura no campo político dependerá de entregas que fizer na Saúde”, afirmou.

 

A minha determinação é o foco como secretário de Estado. Se acontecer algo nesse trajeto, vou analisar quando acontecer

“A minha determinação é o foco como secretário de Estado. Se acontecer algo nesse trajeto, vou analisar quando acontecer. Neste momento, meu foco é reabrir a Santa Casa de Cuiabá, melhorar as estruturas dos hospitais regionais, diminuir a angústia da população. Ano que vem a gente discute no ano que vem”, completou.

 

Figueiredo disse que antes de decidir sobre candidatura a prefeito, deverá escolher um novo partido para se filiar.

 

Ele deixará o PSB e migrará para outra sigla assim que abrir a janela para troca partidária, que ocorre em março de 2020. Apesar de o DEM de Mauro Mendes ser o mais cotado, o secretário também recebeu convites do PDT.

 

“Estou em um partido que, provavelmente, terei que trocar no próximo ano. Não existe janela partidária neste momento, só em março do ano que vem e estou reservando atividades no campo político para o ano que vem”, disse.

 

“Portanto, acho que desviar do foco neste momento para falar de uma eleição que ainda tem um ano e meio para acontecer é muito prematuro. Não sei o que vai acontecer. Não existe nada de concreto com relação a isso. O que tem sido vinculado são apenas especulações”, afirmou.

 




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
1 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

januario  15.05.19 13h58
Bom que ele saia mesmo pra quebrar paradigmas. Todos os servidores do Estado e do Município vão votar nele, pelo bom trabalho que o patrão dele fez no município e agora no estado.
3
5