Cuiabá, Segunda-Feira, 20 de Maio de 2019
FUTURO POLÍTICO
17.04.2019 | 16h00 Tamanho do texto A- A+

Botelho diz que aproveitará afastamento para pensar em eleição

Nome do democrata é apontado como forte para disputar as prefeituras de Cuiabá e Várzea Grande

Alair Ribeiro/MidiaNews

O presidente da AL, Eduardo Botelho, que ficará afastado por 120 dias

CAMILA RIBEIRO E DOUGLAS TRIELLI
DA REDAÇÃO

O presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (DEM) admitiu que aproveitará o período de afastamento do cargo para fazer uma reflexão sobre seu futuro político.

 

Nesta quarta-feira (17), ele oficializou seu afastamento da Assembleia por 120 dias, período em que a Casa será comandada pela deputada Janaina Riva (MDB).

 

O nome do democrata vem sendo ventilado como forte candidato nas eleições de 2020, tanto para a Prefeitura de Cuiabá, quanto para a de Várzea Grande.

 

“Há essa possibilidade de candidatura. Vou ter um momento de reflexão, aproveitar os dias parados pra ler um pouco e, evidentemente, fazer algumas reflexões sobre o futuro político também, lógico”, disse ele, na manhã de hoje.

 

Vou ter um momento de reflexão, aproveitar os dias parados pra ler um pouco e, evidentemente, fazer algumas reflexões sobre o futuro político também

Botelho reiterou se sentir preparado para concorrer ao Palácio Alencastro ou ao Paço Couto Magalhães, mas ponderou que é preciso saber se, mais à frente, ele terá condições eleitorais para encarar as urnas.

 

“Como pessoa, me sinto preparado tanto pra ser prefeito de Cuiabá como de Várzea Grande. Agora, condições eleitorais para eu ser candidato, aí não sei se vamos adquirir. Isso vai depender do partido, da formação dos grupos, uma série de circunstâncias que não sou só eu que construo”, disse.

 

“De todo modo, são coisas que vão acontecer ao longo do tempo. Acho que ainda não é o momento de discutir candidatura. Estamos a mais de um ano da eleição, é cedo para discutir isso. Acho que tem que ser discutido lá por março do ano que vem”, concluiu Botelho.

Por ter pedido um afastamento e não uma licença, Botelho não receberá o salário de deputado no período que estiver fora da Casa. 

 

Leia mais sobre o assunto:

Botelho dá carta branca a Janaina, que promete “casa em ordem”

 

 

 




Clique aqui e faça seu comentário


COMENTÁRIOS
1 Comentário(s).

COMENTE
Nome:
E-Mail:
Dados opcionais:
Comentário:
Marque "Não sou um robô:"
ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do MidiaNews. Comentários ofensivos, que violem a lei ou o direito de terceiros, serão vetados pelo moderador.

FECHAR

Joao Mensageiro   18.04.19 09h43
Joao Mensageiro , seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas